Foi concluído o arrastão de combate à dengue, com 79.763 imóveis percorridos em Catanduva. As atividades mobilizaram 200 agentes de endemias e comunitários, ao longo de 18 dias. A ação foi realizada pela Secretaria Municipal de Saúde e a Sucen, diante da situação de epidemia vivenciada no município.

O balanço da operação mostra que 39.836 casas foram efetivamente vistoriadas. Nesses casos, as equipes se atentaram à eliminação de possíveis criadouros e orientações aos moradores quanto aos perigos do Aedes aegypti. Por outro lado, 39.927 residências estavam fechadas no momento da inspeção. Nesse tipo de situação, os agentes elaboraram notificação para que o morador agende a vistoria.

Em algumas áreas foi feita a nebulização costal, num total de 5.970 imóveis. Durante o mutirão, os trabalhos foram feitos nas diferentes regiões da cidade, trabalhadas gradativamente, uma a uma. Todos os bairros foram alcançados.

Mesmo diante da pandemia de coronavírus, o combate à dengue prossegue. A EMCAa mantém suas atividades, cumprindo o protocolo de distância mínima. A Secretaria Municipal de Saúde pede que os moradores recebam os agentes e que, além disso, façam a limpeza de suas casas e quintais durante a quarentena.

Imagem: Divulgação/EMCAa

Receita Federal lança documento digital…

18-05-2020 Hits:336 Tecnologia Fabio

Com apoio do Serpro, país dá um passo importante na digitalização da identificação universal dos brasileiros