As medidas sanitárias de prevenção ao coronavírus foram reforçadas nos serviços funerários. A Funerária Municipal, responsável pelos velórios e cemitérios públicos, Nossa Senhora do Carmo e Nossa Senhora de Fátima, adequou procedimentos conforme as orientações da Vigilância Sanitária e do Comitê de Enfrentamento.

Os agentes funerários e coveiros executam suas atividades com equipamentos de proteção individual, como luvas, máscaras, além de roupas e calçados apropriados para manejar os corpos e caixões. Dentre as regras, as pessoas que morrerem por Covid-19 ou mesmo com suspeita da doença terão o caixão lacrado.

“Tomamos todas as precauções, usando EPIs adequados para cada procedimento”, ressalta João Pedro Parisi, diretor de administração da Funerária Municipal.

Uma das medidas em vigor é a limitação ao número de até 10 pessoas que podem permanecer em qualquer sala de velório ou enterro na cidade. A determinação consta no decreto municipal nº 7.757/2020, como forma de evitar aglomerações.

Os espaços recebem limpeza constantemente e álcool em gel fica à disposição do público para higienização das mãos. Além disso, os funcionários orientam os familiares a diminuir o tempo das cerimônias de despedida e sugerem reduzir o tempo de permanência das pessoas nesses locais.

Imagem: Comunicação/Prefeitura de Catanduva

Fonte: Prefeitura de Catanduva

Confira 5 soluções para festas de fina…

20-11-2020 Hits:197 Vida / Estilo Fabio

Especialista em marketing de experiência dá 5 ideias para festas corporativas de fim de ano, que pode ser feita com criatividade e inovação