A Justiça acatou uma denúncia do Ministério Público de Itajobi (SP) em relação ao ex-prefeito Gilberto Roza, que está sendo investigado por improbidade administrativa. Com a decisão, Gilberto vira réu no processo.

De acordo com o MP, ele é acusado de gastar cerca de R$ 1 milhão a mais do que deveria, desrespeitando a lei de responsabilidade fiscal. Gilberto foi prefeito de 2013 a 2016.

Na denúncia, a promotoria afirma que os principais gastos foram feitos nos últimos meses do mandato, com prestações a serem pagãos no futuro e sem provisão de caixa para isso.

O MP também usou as publicações do Tribunal de Contas, que recomenda cautela nos gastos públicos do município na época. Se condenado, Gilberto Roza pode perder os direitos políticos e ter que tirar R$ 1, 1 milhão do próprio bolso.

Por telefone, Gilberto afirmou à TV TEM que não foi notificado ainda e que é inocente.

Fonte> G1 RioPreto

Prefeitura abre postos móveis de vacina…

19-03-2020 Hits:339 Saúde Fabio

A Campanha de Vacinação contra a Gripe terá seis postos móveis para atendimento descentralizado em Catanduva. A medida adotada pela Secretaria Municipal de Saúde tem o objetivo de evitar a...