Aconteceu na tarde desde sábado, 17 de outubro, captação de múltiplos órgãos no Hospital Padre Albino. O doador, 45 anos, teve morte encefálica confirmada no dia 16 e a autorização para a doação, pela família, neste sábado. A captação levou 2 horas e 20 minutos. O coração seguiu para o Instituto do Coração (InCor), em São Paulo, e rins e córneas para São José do Rio Preto. A captação beneficiará até 5 pessoas.

“Hoje uma família perdeu alguém que ama e a dor é imensurável, só quem perde sabe o vazio, mas a família sensibilizada compreendeu a importância da doação. Por meio de uma vida, duas pessoas voltarão a enxergar, outras duas deixarão a hemodiálise e uma voltará a ter uma rotina normal sem medo do coração, de repente, parar. Somos muito gratos à família que, mesmo diante a sua dor, conseguiu enxergar a aflição de quem espera para não morrer”, agradeceu Renata Bocha Bugatti, diretora de Saúde e Assistência Social da Fundação Padre Albino.

Fonte: Fundação Padre Albino

Profissionais de saúde recebem apoio ps…

28-04-2020 Hits:277 Saúde Fabio

Em meio à pandemia de coronavírus que tanto exige esforços dos profissionais de saúde, equipes que atuam na rede municipal de saúde de Catanduva vão receber atenção de psicólogos e...