No mês em que se comemora o Dia das Crianças, a médica oftalmologista, especialista em oftalmologia pediátrica, do Hospital do Olho de Rio Preto – HORP, Karina Shimizu, lembra que os cuidados com os olhos ainda no primeiro ano de vida são fundamentais para o desenvolvimento da visão criança.

Segundo a médica, os pais não devem esperar muito para levarem os filhos a uma primeira consulta de rotina com o oftalmologista. “É muito comum que os pais tragam as crianças ao consultório apenas no momento da alfabetização, mas o recomendado é que a visita aconteça ainda no primeiro ano de vida, de preferência até os seis meses”, reforça.

O olho é o órgão que mais se desenvolve nos 12 primeiros meses de vida, por isso, em uma avaliação oftalmológica nesse período, é possível realizar o diagnóstico precoce da grande maioria dos problemas visuais e, assim, garantir um tratamento mais eficaz.

A oftalmologista reforça que, mesmo que o bebê tenha feito o teste do olhinho, aquele primeiro exame nos olhos realizado assim que a criança nasce, é muito importante que os pais levem os pequenos para examinar os olhos, em especial, os recém-nascidos prematuros que nascem com menos de 1,5 kg. “Estes precisam de observação constante de um especialista, pois pode ocorrer alteração da retina”.

 

 

Os problemas oculares mais frequentes são o estrabismo, quando um olho fica alinhado e o outro desviado; erros de refração, que são alterações no grau nos olhos; e ambliopia ou olho preguiçoso, quando olhos são normais, porém um deles não se desenvolveu corretamente.

A especialista finaliza explicando que as crianças pequenas não precisam reconhecer letras ou objetos para uma consulta. Existem técnicas para examinar os bebês provocando movimentos oculares por excitação.

Sobre o HORP

Criado por um grupo de oftalmologistas, em 1980, o HORP oferece prevenção, diagnóstico e tratamento ocular à população de São José do Rio Preto/SP e região. Deste então, mais de 300 mil pacientes, de 3.200 cidades espalhadas pelo Brasil e pela América Latina, já receberam os cuidados e a atenção da equipe médica e dos colaboradores do hospital.

O HORP conta hoje com mais de 20 médicos oftalmologistas em várias áreas: catarata, córnea, estrabismo, glaucoma, lentes de contato, oftalmologia geral, oftalmopediatria, plástica ocular, refrativa e retina e vítreo.

Fonte: Venusca Borghi

Dicas para consumir de forma sustentáve…

15-10-2020 Hits:142 Vida / Estilo Fabio

O ano de 2020 alerta a todos sobre o cuidado com o meio ambiente e isso pode começar pelo consumo diário