O Consórcio Intermunicipal de Saúde da Região de Catanduva (Consirc) acompanha a descentralização dos serviços do Samu Regional. O projeto foi iniciado no ano passado e contempla a implantação de 16 bases descentralizadas entre os 19 municípios da região atendidos pelas equipes.

O objetivo é proporcionar atendimento mais eficaz e adequado na área de cobertura do serviço de atendimento móvel de urgência.

“Nesse plano, todas as ligações feitas para o telefone 192, na área de cobertura do Samu, serão atendidas pela Central de Regulação que fica em Catanduva. Cada solicitação será avaliada e, se necessário, o médico local junto à ambulância de suporte avançado auxiliará no atendimento regional”, ressalta o médico Luis Fernando Colla, coordenador do Samu.

Para isso, os municípios se organizaram visando criar estruturas que contemplam, além de base própria, a Unidade de Suporte Básico de Vida (USB), composta por um técnico de enfermagem e o condutor. Todos esses requisitos passaram por prévia avaliação do Ministério da Saúde.

Nesse contexto, Irapuã, Elisiário, Catiguá, Tabapuã e Urupês já contam com o veículo e base de atendimento. Outros municípios caminham para ter unidades locais. É o caso de Novo Horizonte, Itajobi, Novais, Pindorama e Pirangi, que já têm aval do Ministério da Saúde para essa finalidade.

O Samu Regional atende população estimada em 300 mil pessoas.

Fonte: Prefeitura de Catanduvav

Complexo Turístico Hot Beach Olímpia s…

31-05-2020 Hits:178 Região Fabio

O Complexo Turístico Hot Beach Olímpia segue na quarentena, com o parque aquático e os três resorts – Hot Beach Resort, Celebration Resort Olímpia e Thermas Park Resort & Spa...