Força-tarefa do bem! A Prefeitura de Catanduva, por meio das secretarias de Administração e Cultura, formou uma rede de colaboração que resultou na recuperação de 50 instrumentos musicais que estavam desparecidos há 7 anos. A iniciativa começou a partir de identificação de um processo interno de bens patrimoniais extraviados. Em busca de esclarecimentos sobre o ocorrido, o secretário de Administração, Richard Casal, sugeriu que a secretaria de Cultura abrisse uma sindicância para apurar a situação. Até mesmo boletins de ocorrência foram registrados em anos anteriores, mas não tiveram êxito na localização.

A secretária de Cultura, Luzia de Brito Girarde, reuniu a equipe do setor, para identificar o local onde os equipamentos se encontravam. Com o apoio dos servidores Osvalter Paulino e Rogério Seminatti, foram feitas varrições nas repartições públicas.

Os objetos foram reencontrados no prédio do CAIC, no Solo Sagrado. Entre os bens recuperados estão: tamborins, agogôs, pratos, chocalhos, repiniques, reco-recos e uma trompa, que após processo de limpeza e manutenção foram catalogados e guardados na Estação Cultura. Os itens agora fazem parte da nova Casa da Música.

Fonte: Prefeitura de Catanduva

Catanduva confirma mais 3 óbitos por co…

25-02-2021 Hits:194 Saúde Fabio

Boletim do coronavírus são 7.814 casos confirmados, sendo que 7.495 pacientes estão curados.