Os meios de transporte evoluíram e muito nos últimos anos. Atualmente, a solicitação de uma corrida pode ser feita por ligação, WhatsApp, por aplicativos. São inúmeras opções, para oferecer maior poder de escolha aos consumidores.

Mas você sabe diferenciar um motorista credenciado de outro que não esteja com a documentação em dia? Pensando nisso, a Prefeitura de Catanduva, por meio da Secretaria de Trânsito e Transportes Urbanos, STU, traz um guia com as principais dicas para não haver confusão e você não embarcar numa fria.

Para o transporte por aplicativo, quando o veículo é credenciado, basta analisar o para-brisa. Os carros devem exibir um adesivo azul e branco com a marca da Prefeitura. Hoje, duas operadoras exercem a atividade de maneira regular.

No caso das vans escolares, o adesivo fica na parte lateral e elas devem ter placas vermelhas, mesmo caso dos mototaxistas. Em caso de dúvida, basta pedir a credencial ao motorista, já que ele deve portar o documento emitido pela STU.

De acordo com a STU, atualmente, no transporte por aplicativo, há 94 motoristas devidamente credenciados. Os mototaxistas somam 85 condutores sobre duas rodas. Já o transporte escolar tem 18 motoristas autorizados a exercer a função.

Tanto para carros, quanto motos e vans escolares, a regularização é feita na Central de Atendimento da Prefeitura. Com documentos pessoais, é fácil obter as informações necessárias para o credenciamento. O formulário pode ser obtido de forma prévia no site www.catanduva.sp.gov.br/transito/transporte-credenciado.

O motorista flagrado realizando o transporte de forma clandestina é multado, de acordo com as sanções previstas na Legislação Municipal e no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Imagem: Comunicação/ Prefeitura de Catanduva

Fazenda divulga dados preliminares de 20…

19-09-2020 Hits:94 Nacional Fabio

Índice define os repasses do ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços) para os 645 municípios paulistas