Em reunião realizada na manhã desta segunda-feira, prefeitos dos 19 municípios que são atendidos pelo Sistema Único de Saúde em Catanduva acordaram o endurecimento na quarentena em busca da redução de índices de internações.

De acordo com o documento que foi assinado pelos prefeitos, entre os dias 03 e 14 de março, todos os estabelecimentos considerados essenciais terão horários reduzidos, das 6h às 20 horas e redução de circulação interna de 50% da capacidade.

A medida vale para farmácias, supermercados, padarias, postos de combustíveis, lavanderias, transporte coletivo, hotéis e restaurantes.

Para os estabelecimentos considerados não essenciais, o máximo permitido de pessoas é de 30% da capacidade, também atendendo dentro do horário das 06h Às 20 horas.


A medida vale para shopping, concessionárias, escritórios, bares e lanchonetes, academias, salões de beleza e igrejas.

Para entrega e drive thru, as regras seguem as mesmas da fase laranja do Plano São Paulo.

Para unidades de saúde, o funcionamento seguirá com a capacidade de 100% dos funcionários; funerárias municipais atenderão das 6h às 18 horas com no máximo 10 servidores, que podem atuar de forma escalonada.

As demais repartições públicas funcionarão com capacidade reduzida em sistema de rodizio e trabalho remoto quando possível.

Os prefeitos aguardam ainda o anuncio do governador do Estado, João Doria sobre a classificação da região de São José do Rio Preto. Se houver uma regressão no Plano São Paulo para a fase vermelha, as medidas adotadas no documento, não serão levadas em consideração. Caso a região se mantenha na fase laranja, prefeitos dão sequencia ao plano listado acima.

Fonte: Karla Konda - O Regional

Colaborou: Fernando Galhardo

Boletim do Coronavírus (10/08/2021) - C…

10-08-2021 Hits:182 Saúde Fabio

Boletim do coronavírus em Catanduva. Atualmente, 17.564 casos foram confirmados para a doença. São 39 novos registros no comparativo com o último boletim.