A reabilitação dos pacientes com COVID-19 é uma das preocupações da Fundação Padre Albino (FPA) e para otimizar os procedimentos foram adquiridos capacetes Helmet e novas tecnologias para Terapia de Alto Fluxo, que fortalecem a reabilitação, diminuindo as complicações respiratórias, evitando o processo de intubação e o uso da ventilação mecânica invasiva.

“O capacete Helmet é interface para ventilação não invasiva, indicado para pacientes com COVID-19 que apresentam sintomas leves e moderados. Ele pode ser acoplado a um ventilador mecânico ou a um fluxo constante de oxigênio com pressão positiva. Sua utilização pode reduzir o esforço do paciente para respirar, minimizando as complicações respiratórias”, explicou a coordenadora do Serviço de Reabilitação da FPA, Keity Emiliene Guim.

“A Terapia de Alto Fluxo Nasal é alternativa de suporte respiratório, administrada através de cateter nasal. O dispositivo fornece ao paciente mistura aquecida, umidificada, um fluxo contínuo, podendo atingir até 60 litros por minuto e uma fração inspirada de oxigênio de até 100%. É ferramenta importante, que também auxilia na recuperação desses pacientes, oferecendo melhora do esforço respiratório e da oxigenação”, explicou a coordenadora de Fisioterapia, Bruna Gabriela de Oliveira.

A equipe de Fisioterapia recebeu treinamento para manuseio dos novos equipamentos nos dias 19 e 20 de abril. 

Fonte: Fundação Padre Albino

Prefeitura faz chamamento para atrair ag…

04-03-2020 Hits:556 Cidade Fabio

A Prefeitura de Catanduva abrirá chamamento específico para cadastramento de agricultores e empreendedores familiares.