Em um momento tão delicado como o atual, com todas as ações voltadas para combater um inimigo invisível, o coronavírus, a solidariedade é uma iniciativa louvável e que merece destaque. Foi a empatia que moveu três atividades diferentes no Instituto Federal de Catanduva. Professores, alunos e funcionários se uniram em uma corrente do bem, que ganha força para ajudar quem mais precisa.

Os alimentos que seriam utilizados para o almoço e lanches no campus foram para as casas dos alunos. Foram 70 kits entregues, que incluem hortifruti, suco e achocolatado para reforçar as refeições dos estudantes dos cursos técnicos integrados ao ensino médio.

“Na primeira entrega que fizemos, por volta de 30 alunos foram até o Instituto e buscaram. Já na segunda, para que eles não precisassem sair de casa e para atender os estudantes que moram em outras cidades, resolvemos fazer a entrega nas casas, beneficiando mais 40 alunos”, destaca a nutricionista do campus Carla Galbiati da Cruz.

As ações têm como objetivo auxiliar a comunidade a minimizar os impactos provocados pela pandemia da Covid-19.

Além da entrega dos kits com verduras e frutas frescas, os alunos se uniram ao Rotary Clube de Catanduva e realizaram a distribuição de 20 protetores faciais, chamados de face shields, aos profissionais que atuam na linha de frente do combate ao coronavírus. A entrega foi na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Já o voluntariado para confecção e doação de máscaras de pano envolveu servidores, alunos e moradores. A iniciativa resultou na doação de 1.824 itens de proteção para instituições de Catanduva e região.

Foram beneficiados: Recanto Nosso Lar, Lar dos Idosos de Pindorama, Recanto Monsenhor Albino, Associação São Vicente de Paulo, Cras Bom Pastor, Nosso Teto, Juca Pedro e Imperial, além das Unidades de Saúde do Bom Pastor e Solo Sagrado, Cooperativa Recicla Catanduva e servidores terceirizados do Instituto Federal.

Imagem: Divulgação/ IFSP

Fonte: Prefeitura de Catanduva

Equipes de roçagem percorrem 11 bairros…

09-03-2020 Hits:355 Cidade Fabio

O ritmo da roçagem nos quatro cantos de Catanduva está acelerado. A limpeza vem ganhando forma e dando uma nova cara às praças, áreas verdes e prédios públicos.