Respeitável público, é hora de garantir aquele espaço caprichado no sofá, porque o encerramento da Mostra de Teatro Popular chegará até sua casa nesta quarentena. Inovação, criatividade e tecnologia estão juntas para levar cultura para a família toda. No total, três atividades virtuais estarão disponíveis na próxima semana.

A atração começou em março, o mês do teatro, mas precisou ser interrompida para garantir que todos tivessem atenção especial à saúde, para enfrentar o coronavírus.

“No período, pensamos em ideias para garantir o entretenimento ao público, principalmente nesse momento. A estreia do espetáculo Vapor foi totalmente adaptada para ocupar as telas de computadores e celulares, e ganhou ações adicionais”, destaca o coordenador do projeto Rafael Back.

A programação começa na próxima terça-feira, dia 23, com uma live com o elenco do espetáculo Vapor, a partir das 21 horas. O conteúdo estará disponível na página do Facebook do Grupo Cabrabão e da Secretaria de Cultura. Será a oportunidade de interagir com os artistas, tirar dúvidas e conhecer detalhes sobre a trama.

Na quarta-feira, dia 24, será a vez de aprender com a Oficina Steampunk com Guilherme Brandão e Vânia Santos, no YouTube da Secretaria de Cultura. A aula começa às 20 horas, com informações sobre esse subgênero da ficção científica que conquistou o público entre as décadas de 1980 e 1990.

Na sexta-feira, dia 25, será a estreia da nova peça do Grupo Cabrabão. “Vapor”, com transmissão ao vivo na página do Youtube da Secretaria de Cultura, mostra um período pós-apocalíptico, onde o Brasil enfrenta sua maior crise em séculos.

Uma terra esquecida pelo governo e dominada pelos interesses dos conglomerados empresariais é o cenário árido onde um lendário grupo, denominado cangaço à vapor, sai à procura de um artefato que pode resgatar tudo o que foi tirado do povo. A encenação traz como marca o movimento steampunk e tem classificação livre.

O texto e a direção do espetáculo são de Rafael Back. Os figurinos são de Vânia Santos e o cenário é do Grupo Cabrabão. Guilherme Brandão foi o responsável pela pesquisa e a direção musical é de Maju Malavaes e Vine Spina. Já a orientação de artes virtuais é de Lucas Paschoal. No elenco estão Rafael Back, Aline Leite, Henrique Zukovski, Priscila Rodrigues e Vânia Santos.

Para conferir as atividades, basta acessar o canal da Secretaria Municipal de Cultura no YouTube: www.youtube.com/c/SecretariadeCulturadeCatanduva.

O projeto foi aprovado pelo Fundo Municipal de Cultura, por meio do Edital de Incentivo às Artes de 2019. A iniciativa é da Prefeitura de Catanduva, por meio do Fundo Municipal de Cultura, da Secretaria de Cultura e RB Produções. O apoio é da Associação Dell'arte, Trecho Arte e Ghost Whisper.

Imagem: Divulgação/ Grupo Cabrabão

Fonte: Prefeitura de Catanduva

Índice larvário coloca Catanduva em ri…

19-01-2020 Hits:257 Saúde Fabio

Em meio à onda de transmissão de dengue que Catanduva vivencia, a quantidade de larvas encontradas em imóveis vistoriados registra alto índice. É o que aponta a Avaliação de Densidade...