É muito comum ouvir fãs brasileiros dizendo que os domingos de manhã não foram os mesmos após a morte de Ayrton Senna, em 1º de maio de 1994. Em seus anos de Fórmula 1, o piloto brasileiro carregava multidões para a frente da televisão na torcida por mais uma vitória em alguma pista pelo mundo. No próximo domingo (3), a Globo tentará retomar essa "mística" do domingo de manhã com uma das vitórias mais emblemáticas da carreira do tricampeão mundial.

A emissora anunciou que exibirá na íntegra, dentro do Esporte Espetacular, o Grande Prêmio do Japão de 1988, que deu a Ayrton Senna o primeiro título mundial. A prova, que será transmitida com narração e comentários originais (Galvão Bueno e Reginaldo Leme), também servirá como uma homenagem ao piloto, dois dias após completarem-se 26 anos de sua morte.

Disputado em 30 de outubro de 1988, o GP do Japão de Fórmula 1 daquele ano tinha como atrações principais os dois pilotos da McLaren, equipe que terminaria a temporada com 15 vitórias em 16 provas disputadas. Ayrton Senna e Alain Prost davam início, em 1988, àquela que é considerada por muitos como a maior rivalidade da história da categoria.

Na pista, Senna largou na pole position, mas teve um problema na largada, ficou parado e acabou caindo para a 14ª posição. Prost se aproveitou e assumiu a ponta. O brasileiro, então, iniciou uma corrida de recuperação que ficou na memória de todos os fãs e, na 28ª volta, ultrapassou o francês para liderar até o fim da volta e conquistar a vitória e o título.

Fonte: Máquina do Esporte